Na Câmara, Felipe Maia afirma ser uma “triste realidade” RN registrar aumento de mil homicídios em 2018

Image is not available

Em audiência com Presidente da Caixa Econômica, bancada do RN discute prejuízos de cancelamento de convênio com Neoenergia

Image is not available

Em audiência com Presidente da Caixa Econômica, bancada do RN discute prejuízos de cancelamento de convênio com Neoenergia

Image is not available

No Ministério da Saúde, Bancada potiguar solicita liberação recursos para Instituto de Medicina Tropical e Núcleo Genômica da UFRN

Image is not available
Arrow
Arrow
Slider
Segunda, 09 Julho 2018 19:50

No Ministério da Saúde, Bancada potiguar solicita liberação recursos para Instituto de Medicina Tropical e Núcleo Genômica da UFRN

No dia 13 de junho, em audiência com o Ministro da Saúde, Gilberto Occhi, parlamentares da bancada potiguar, representantes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e o Presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber Morais, solicitaram a liberação de recursos financeiros para aquisição de novos equipamentos e ampliação das instalações do Instituto de Medicina Tropical (IMT) e do Núcleo Genômica da Universidade. De acordo com o coordenador da bancada federal, deputado federal Felipe Maia (DEM), o ministro irá analisar o pleito junto ao corpo técnico do órgão.

“O ministro garantiu analisar os pleitos junto a equipe técnica do Ministério para saber a viabilidade desses repasses ao nosso estado. A bancada irá acompanhar de perto este pleito de imensa importância para a população potiguar, que terá mais acesso a serviços de saúde de qualidade”, afirmou o parlamentar.

Segundo Felipe Maia, a UFRN necessita da liberação de cerca R$ 16 milhões em recursos financeiros para o desenvolvimento do Instituto e do Núcleo Genômica.

“Estes recursos serão para adquirir novos equipamentos para a prestação de serviços de atendimento, ampliação das instalações para agregar mais pesquisadores que executem atividades de levantamento epidemiológico e diagnósticos, melhorando assim o funcionamento das rotinas laboratoriais”, enfatizou o deputado.

Estiveram presentes na audiência os deputados federais Felipe Maia (DEM), Rafael Motta (PSB), Walter Alves (MDB) e Zenaide Maia (PHS), os senadores Garibaldi Alves Filho (MDB) e José Agripino Maia (DEM), o Vice-reitor da UFRN, Daniel José Diniz, a Professora da UFRN, Selma Jerônimo e o Presidente da Ebserh, Kleber Morais.